O que fazer na Rota do Lagarto

O que fazer na Rota do Lagarto

O Inverno começou esta semana e até aqui na grande Vitória que não faz frio, tá fresquinho. Quando a temperatura baixa lembro logo da Rota do Lagarto em Pedra Azul, região serrana daqui do Espírito Santo. Uma estrada com apenas 08 km, mas com uma bela paisagem cênica que simplesmente caminhar por ela já é um passeio maravilhoso.

Mas como se não bastasse a paisagem, ao longo da estrada tem vários atrativos que podem ser conhecidos em um dia. Isso mesmo! Não é tão tão distante de Vitória não, são só 88 km de distância, então dá para ir e voltar no mesmo dia. Mas se for o caso de ficar mais tempo tem opção de hotéis e charmosas pousadas com lareiras, além de bons restaurantes. Veja algumas opções do que pode ser feito.

A entrada para a Rota do Lagarto é fácil de achar, fica ao lado do Restaurante e Pousada Pertele. No local também tem lojas de artesanato e a Casa do Turista com informações sobre a região.

PARQUE ESTADUAL DE PEDRA AZUL

É o primeiro e principal atrativo da Rota do Lagarto, localizado no Km 2 da rota. Principal por abrigar a imponente pedra com 1822 m de altura, uma formação rochosa de granito conhecida como a Pedra Azul, símbolo da região que tem junto a ela outra pedra menor conhecida como pedra do lagarto. No parque o visitante pode fazer caminhadas, tem opção de trilhas com grau de dificuldade baixo como a do mirante que é a mais curta com 600 metros e a trilha que vai até a base da pedra com 950 metros, ou tem a trilha das piscinas com 1250 metros de percurso e com um pouco mais de dificuldade por ter escalar a pedra, mas é a mais interessante devido as piscinas naturais.

As trilhas acontecem de terça a domingo para o público em geral e escolas. Podem ser conduzidas por algum servidor do parque ou autoguiadas. Há um limite de visitantes por dia e para algumas trilhas é necessário agendar com antecedência. A saída é do centro de apoio do Parque que fica a 800 metros da portaria, então chegue bem antes. Esse percurso é uma subida e já serve de aquecimento para as trilhas, não é permitido ir de carro. No centro de apoio tem banheiro, água e uma coleção de fauna e flora. No parque não tem lanchonete, restaurante nem hospedagem. Se for só visitar o parque não é preciso pagar. De terça a domingo das 08 às 17 horas.

O que fazer na Rota do Lagarto


FJORDLAND – CAVALGADA ECOLÓGICA

Fica uns 500 metros depois, e é uma outra boa atração na Rota do Lagarto que vale a pena uma visita. Lá tem várias atividades, todas voltadas ao meio ambiente, como por exemplo, acompanhar a produção do café orgânico. Mas pra mim a melhor coisa é a cavalgada beirando a Pedra Azul nos robustos e dóceis cavalos da raça fjord de origem norueguesa e um dos mais antigos do mundo. Tem trilhas longas e curtas, para criança e adulto.

As cavalgadas têm preços diferentes conforme o tempo de duração e estão inclusos equipamentos de proteção e seguro de Acidentes Pessoais. São acompanhadas por guias e acontecem em horários determinados com um número limitado de cavalos, portanto é bom agendar. Além das atividades desenvolvidas, a fjordland oferece loja de souvenir e uma cafeteria com vista privilegiada da Pedra Azul. Portanto não pense que só vale visitar o lugar se for fazer a cavalgada, o lugar é bonito e vale uma visita nem que seja para tomar um café olhando para a pedra.

A Fjordland abre ao público de sexta a segunda e feriados, de terça a quinta-feira, abre para grupos pré-agendados. A entrada custa R$ 5,00 e crianças até 12 anos não pagam. Veja mais informações.

Foto do site da Fjordland.

ECOTURISMO

Além de trilhas no parque e cavalgadas no Fjordland outras atividades de ecoturismo são desenvolvidas nos arredores da Rota do Lagarto por empresas credenciadas que ficam a beira da estrada. A maioria das atividades são desenvolvidas nos finais de semana, feriados e temporada de inverno que é quando a região recebe um maior fluxo de visitantes.


AGROTURISMO

A Rota do Lagarto fica em uma área rural com pequenas propriedades familiares ao seu redor. Muitas dessas propriedades fazem parte do Agroturismo, segmento que se desenvolveu na região e que um dos objetivos é receber visitantes para conhecer e comercializar o que é produzido ali. Você encontrará uma variedade de produtos, muitos deles orgânicos. Para localizá-los procure pelas plaquinhas de sinalização. A maioria das propriedades abrem as portas todos os dias. Caso não consiga visitar alguma propriedade, você pode comprar diretamente dos produtores que costumam colocar barraquinhas a beira da rota.

O que fazer na Rota do Lagarto



COMER, BEBER E COMPRAR

Nos 8km da Rota do Lagarto existem lugares que além de serem pontos estratégicos para belas fotos, reúnem cafés, delicatessen, artesanato e restaurantes. Um desses lugares é no km 7, já no final da rota, então sente e aproveite! A região é grande produtora de café, aproveite para beber um bom café capixaba orgânico. Mas se preferir uma cerveja artesanal, também tem. Aproveite para comprar uma lembrança das montanhas capixabas e provar os produtos caseiros. O lugar é bonito, reserve algumas fotos. Já percebeu que irá ficar um tempo ali né.

O que fazer na Rota do Lagarto
Tuia gastronomia e arte no Km 7 da Rota do Lagarto

Muitos desses lugares abrem as suas portas somente nos finais de semana, feriados e temporada de inverno pois é quando a região recebe um maior fluxo de visitantes. Mas as fotos são garantidas.

O que fazer na Rota do Lagarto
Km 7 da Rota do Lagarto


RESTAURANTES

Na Rota do Lagarto estão alguns dos melhores restaurantes da região. Alguns são especialista em gastronomia italiana, portuguesa, francesa…. e os Chefs valorizam os produtos do Agroturismo na elaboração dos pratos. Ou seja, você vai comer muito bem, mas irá pagar valores consideráveis. O serviço é À la carte e funcionam principalmente nos finais de semana, alguns a partir de quinta-feira.

Foto: site da Pousada Pedra Azul

Para quem for durante a semana uma boa opção é o restaurante da Pousada Pedra Azul que abre todos os dias para almoço e jantar. Ela fica bem no início da Rota do Lagarto e você, além de comer muito bem, vai desfrutar de um cenário incrível. A Pousada foi construída em um lugar privilegiado e em perfeita harmonia com a natureza.

O que fazer na Rota do Lagarto
Pousada Pedra Azul

A única opção de Self-Service fica bem na entrada da Rota. O Restaurante Peterle serve diariamente um buffet de comida caseira na hora do almoço, o valor é por pessoa e não no quilo. Na pousada de mesmo nome é servido de sexta a domingo um café colonial. Se ainda for servido no mesmo lugar que fui há alguns anos, é possível ver um lindo pôr do sol.

O que fazer na Rota do Lagarto
Pousada Pedra Azul

   

HOSPEDAGEM

Se resolver pernoitar, o lugar oferece opções de camping a pousada de charme. Seja lá qual for a sua escolha faça reserva, principalmente para os fins de semana e temporada de inverno.

O que fazer na Rota do LagartoPousada Pedra Azul
  

COMO CHEGAR

A partir de Vitória siga pela BR 262.  São 88 km até chegar lá. Se preferir faça o passeio acompanhado por um Guia de Turismo. Meu contato 27 99506-9764 (whatsapp).

Leia mais sobre a Rota do Lagarto


Atualizado em junho de 2018

3 comentários :

  1. Sonho de consumo: uma bike elétrica.
    Saudades pessoal <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na ocasião não usei a bike elétrica, mas imagino que seja tudo de bom. Obrigado pela visita.

      Excluir