Conhecendo o parque Goiapaba–Açu em Fundão.

Goiapaba-Açu

 

Já havia ouvido falar do Parque Goiapaba açu e sempre que passava pela região, olhava para a pedra e ficava curioso. Pensava que era mais um desses lugares que falam a respeito e divulgam, mas que na verdade não se tem acesso. Um dia desses sai com o objetivo de chegar até o alto do parque.

 

Fui então até a cidade de Fundão, onde localiza o parque. Lá peguei a estrada em direção a cidade de Santa Teresa, a rodovia ES 164, depois de aproximadamente 07 km tem uma igrejinha à direita e logo depois fica a estrada para a estrada que leva até o parque. Da rodovia até o pico do parque são aproximadamente sete quilômetros.

 

Quando sai de Vitória, o tempo estava bom com sol e calor e assim ficou até eu chegar no alto do parque, mas a estrada de terra estava úmida devido a chuva da noite anterior, e talvez isso tenha facilitado a minha subida dos mais de 880 metros numa estrada estreita, íngreme e com muitas curvas.

 

No caminho já é possível apreciar o visual com a mata, cachoeira e nos espaços vazios entre as arvores ter uma visão do relevo da região. Durante a minha subida fiquei imaginando que a minha viagem seria perdida, que encontraria um lugar abandonado e voltaria frustrado.

 

Quando cheguei no alto da pedra fiquei surpreso com o que vi. O lugar estava limpo, havia uma portaria, uma construções, banheiros, bebedouro e um mirante. Deixei o carro na portaria e fui entrando em direção ao mirante, lá encontrei o Marcos, funcionário do parque que fica ali durante o dia.

 

Marcos, simples e gente boa, contou que o parque fica aberto a visitação todos os dias, e que a construção que vi perto da portaria é para funcionar restaurante e lanchonete mas que por enquanto estão desativados pois não tem ainda uma frequência de visitantes.

 

Outra construção que tem ali no mirante é o observatório astronômico da UFES (Universidade Federal do Espírito Santo) mas os ventos fortes retiraram o telhado.

 

Fiquei ali no mirante um bom tempo mas o tempo estava fechado e não deu para aproveitar muito da visão que ele proporciona. Segundo o Marcos, dali é possível avistar várias cidades, o mar e rios.

 

Além do mirante existem trilhas e viveiros de orquídeas e bromélias, mas eu não conheci pois a chuva ameaçava a cair e eu resolvi descer.

 

A entrada no parque é grátis e vale um visita, mas não é qualquer carro que sobe lá não.

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

Goiapaba-Açu

 

O Parque Municipal Goiapaba-açu é administrado pela Prefeitura de Fundão e tem 46 hectares. É circundado pela Área de Proteção Ambiental (APA) estadual Goiapaba-açu, com 3.740 hectares. Na região destaca-se uma enorme diversidade de orquídeas e bromélias, além de árvores e trilhas. A APA abriga as nascentes de vários rios da região.

 

A única informação que consegui sobre a origem do nome do parque foi na internet (http://www.flogao.com.br/amoestelugar/95959865), mas não sei se é correta: Goiapaba-Açu é tupi e significa “grande morada das Goiapabas”. Goiapaba é a fêmea do gaturano, pássaro esverdeado bastante comum em Fundão. Na região, é chamado, também de Guaiapaba, Galpava e Gaipava.

 

Fundão é um município que faz parte da região da Grande Vitória. Localiza-se ao norte distante aproximadamente 60 km da capital pela BR 101. É atendida por linha de ônibus intermunicipais (Viação Águia Branca e Lírios do Vale) e pelo trem que liga Vitória – Belo Horizonte. Não oferece muita opção de hospedagem.

4 comentários :

  1. Olá, moro na cidade de Fundão e nunca visitei o parque, porém, gostaria de promover uma visitação com cerca de 50 pessoas, ai queria saber se é bem sinalizado e até onde uma van poderia ir sem problemas e se os lagos e cachoeiras das fotos são encontrados ao longo da trilha ou se é necessário tomar uma outra rota e quanto tempo a pé (a partir do ponto da van) é a caminhada até o mirante? Parabéns pelo site e agradeço pela ajuda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Antônio, desculpe pela demora da resposta mas estava no carnaval. rsrsrs.
      Já tem quase um ano que estive no Parque, mas era sim bem sinalizado. Quanto a van acho que não tem como ir, o caminho é bem íngreme e se o chão estiver seco o carro vai derrapar.
      Eu fui num corsa 1.4, a estrada estava molhada e mesmo assim tive dificuldades.
      As fotos são todas do caminho que passei com o carro, estava nublado e não quis fazer as trilhas.
      Quanto ao tempo de caminhada eu não sei te informar, vai depender da idade e preparo físico. Mas sei que tem gente que já fez a subida a pé e de bicicleta.
      Já que você é de Fundão, vá até prefeitura para ter mais informações.
      Não deixe de conhecer o Parque, vale a pena!
      Um abraço e obrigado pela visita ao meu blog.

      Excluir
  2. Grande Marcelo. Bom te encontrar por aqui. Excelente matéria. Estive lá uma vez há uns bons anos. Pretendo voltar. Forte abraço. Bruno Morato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruno, que saudade! Que bom wue visitou o meu blog, quando vir ao ES faça contato. Um abraço.

      Excluir