Puerto Natales, entrada para Torres Del Paine

Puerto Natales

Torres Del Paine é o nome de um Parque Nacional na Patagônia Chilena. A cidade mais próxima é a simpática Puerto Natales, distante 115 km. Mas como não tem aeroporto, para chegar até ela só via terrestre ou via marítima já que é uma cidade portuária. O nome vem do porto e do rio Natales que recebeu este nome dos pioneiros que ali chegaram na véspera do natal.

Puerto Natales
Praça das Armas no centro da cidade

AEROPORTOS PRÓXIMOS A PUERTO NATALES

O aeroporto mais próximo fica a 225 km de Puerto Natales na cidade chilena de Punta Arenas. Outro aeroporto muito utilizado é o da cidade Argentina de El Calafate distante 270 km. Das duas cidades saem ônibus regulares, sendo que de Punta Arenas tem mais horários disponíveis e a viagem tem duração aproximada de 3 horas. De El Calafate são poucos horários e aviagem tem duração entre 5 – 6 horas por ter que passar na alfândega dos dois países.

Quando montei o meu roteiro de viagem pela Patagônia resolvi incluir Torres Del Paine. Eu tinha 04 opções para ir conhecer o parque:

1ª: Ir a partir de El Calafate num bate – volta oferecido pelas agencias locais, saindo de madrugada e chegando a noite;
2ª: Ir a partir de El Calafate a Puerto Natales, pernoitando na cidade e retornando a El Calafate.
3ª: Ir a partir de El Calafate a Puerto Natales, pernoitando na cidade e seguir por Punta Arenas.
4ª: Começar a minha viagem por Punta Arenas, ir a Puerto Natales e seguir viagem por El Calafate.

Primeiro precisei resolver por onde começaria  a minha viagem, e iniciei pela cidade de Ushuaia, então a 4ª opção foi descartada. Depois descartei a 1ª opção já eu ficaria mais tempo dentro do ônibus do que no parque, seria cansativo e o passeio seria reduzido.  Ir a Puerto Natales só para fazer o passeio de um dia ao parque e retornar a El Calafate também não compensa pelo tempo de viagem, pelas alfandegas e pelos gastos. Então sobrou a 3ª opção, iniciei a minha viagem pela Argentina e voltei ao Brasil por Punta Arenas pernoitando em Puerto Natales.

Puerto Natales
Igreja Matriz Maria Auxiliadora

DE ÔNIBUS DE EL CALAFATE A PUERTO NATALES

Em abril havia dois horários diários em empresas diferentes para Puerto Natales. Optei pelo horário de 08h30min da empresa Cootra (o outro era mais cedo), consegui comprar a passagem ($ 460 pesos argentinos) no dia anterior sem problema, mas o ônibus de ‘dois pisos’ saiu lotado. Na hora da compra não esqueça do passaporte ou então identidade, pois é uma viagem internacional. Escolhi ir no salão de cima para aproveitar a visão panorâmica, mas a estrada é boa e o ônibus confortável então a viagem foi tranquila e dormi boa parte do tempo.

As únicas paradas acontecem nas alfândegas saindo da Argentina e entrando no Chile, e nelas não vendem nada, portanto leve o seu lanche mas coma antes do Chile devido as restrições de entrada com comida, frutas e etc. Na alfândega da Argentina é mais simples e rápido, já na do Chile é mais chato e demorado. A viagem teve duração de 5 horas, mas pode ser mais dependendo do tempo na alfândega. No dia que fui estava tranquilo pois só tinha o ônibus que eu estava. Em Purto Natales a parada do ônibus é na rodoviária, você pode achar desnecessária esta informação, mas em algumas cidades não tem e o ônibus para na própria empresa. Não tem transfer ou ônibus até o centro, mas um taxi cobra $ 1.300 pesos chilenos por qualquer  corrida dentro da cidade. Os taxistas costumam aceitar também pesos argentinos, mas a cotação não é boa.

Puerto Natales
Fim de tarde na Costanera. A ciadde é banhada pelo Oceano Pcífico através do Canal Señoret.

PUERTO NATALES

Uma simpática cidade portuária banhada pelo Oceano Pacífico com aproximadamente 20.000 habitantes. É o portão de entrada para quem visita Torres Del Paine, e mesmo recebendo muitos turistas, em Abril quando visitei, ela estava muito tranquila e nas ruas predominava o morador local. Não sei se isso é característica só da baixa temporada ou se é pelo fato de muitos visitantes usarem a cidade só como passagem e irem direto da rodoviária ao Parque Nacional Torres Del Paine. O fato é que Puerto Natales nos convida a ficar atoa e andar sem pressa por suas ruas, eu aceitei o convite. Fiquei 02 noites na cidade, tudo bem que fui estimulado pelos altos preços da hospedagem dentro do parque, mas gostei de ficar ali.

Puerto Natales

O QUE FAZER

A partir da cidade é possível fazer outros passeios além de Torres Del Paine (post da semana que vem), como ver pinguins, mas esse só é possível de setembro a março, conhecer estâncias, navegar e ver geleiras. Passeios que podem ser adquiridos facilmente em uma das várias agências da cidade. Como em El Calafate já havia feito passeios parecidos então priorizei o passeio de um dia em Torres e na tarde do dia que cheguei aproveitei o tempo na própria cidade.

Puerto Natales
Monumento Milodón na entrada de Puerto Natales. Um mamífero pré-histórico com mais de 03 toneladas que habitou a região. É um símbolo da cidade

Sai caminhando, observando o cotidiano. No centro passei pela Praça das Armas que aqui no Brasil seria chamada facilmente de praça da matriz já que nela está a igreja católica Maria Auxiliadora. Desci ruas com casas baixas coloridas construídas com madeira ou latas (lembrei de La Boca em Buenos Aires), e cheguei a costanera, avenida da orla com alguns monumentos como La Mano, Milodón e a Escultura Al Viento. Mas o que mais gostei na costanera foi o visual do pôr do sol, então vá no finalzinho da tarde, mas vá preparado para o vento frio.


Puerto Natales
Monumento Escultura Al Viento. O vento é tão característico na cidade que ganhou uma homenagem

HOSPEDAGEM

Fiquei na Casa Cecília, a minha melhor hospedagem na Patagônia, onde encontrei a melhor cama e bom café da manhã. Só o piso de madeira que incomodava um pouco com o rangido, mas muito acolhedora e confortável. E está muito bem localizada a uma quadra da Praça das Armas com restaurantes e lanchonetes, sendo possível circular a pé pela cidade. Fiquei num quarto individual com o banheiro externo por $ 19.500 a diária, e se pagar em espécie não é cobrado o IVA.

Puerto Natales
La Mano, monumento na entrada da cidade como se estivesse saudando os visitantes. Uma reprodução de outras obras existentes.

RESTAURENTES

A cidade também oferece vários restaurantes, pizzarias e lanchonetes, mas não vá jantar muito tarde pois poderá encontrar tudo fechado.

Puerto Natales
Bem-vindo a patagônia Chilena

2 comentários :

  1. Olá Marcelo. Muito bom e informativo o relato. Sabe me dizer se esse bus da Cootra tb tem saída diária de Puerto Natales para El Calafate? Não consigo encontrar nada a respeito. Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani, obrigado pela visita ao blog. Na época que viajei havia saídas diárias sim, mas a frequência das saídas é conforme a temporada. De qualquer forma em Puerto Natales existem outras empresas que fazem o trajeto.
      Quando fui também tive muitas dificuldades para obter informações, mas lá foi tranquilo. Aproveite!!

      Excluir