INVESTIMENTO NO TURISMO CAPIXABA

seturinvestimentoturismo131212 (9)_JPG

O governo do Espírito Santo anunciou na tarde desta quinta-feira (13) investimentos da ordem de R$ 157 milhões que representam avanços importantes para consolidar o Estado como destino turístico de destaque nacional e até mesmo internacional.

Os recursos serão investidos no projeto náutico e de urbanização da Orla do Canal de Guarapari e na construção do Centro de Eventos de Vitória, obras que garantirão infraestrutura turística há muitos anos desejada pelos capixabas.

O governador Renato Casagrande vê um novo momento para o turismo do Estado. "A nossa meta é mudar o turismo do Espírito Santo, com ações programadas e com a profissionalização do setor, para ampliar a nossa participação no mercado nacional. Vamos abrir o nosso Estado aos turistas, mas com a responsabilidade da gestão pública de qualidade, garantindo a infraestrutura necessária para que sejamos reconhecidos como destino dessa importante atividade econômica que gera emprego, renda e oportunidades", explicou Casagrande.

O secretário Alexandre Passos se disse muito orgulhoso e feliz por este ser um momento muito importante para o turismo capixaba.  Ele citou a assinatura do convênio com a Caixa Econômica Federal para a reurbanização da orla do Canal de Guarapari é uma grande vitória. "Esse é um projeto que já vinha sendo discutido há vários anos, mas que não saía do papel. O Governo do Estado nunca conseguiu firmar um convênio tão importante com o Ministério do Turismo. Guarapari e o Espírito Santo merecem essa obra", destacou.

Ele também ressaltou a importância do Centro de Eventos de Vitória para o turismo de negócios e eventos do Espírito Santo. "Esta obra está orçada em quase R$ 118 milhões e vai permitir a realização de grandes eventos e movimentar ainda mais esse segmento tão importante para o turismo".

Após a apresentação de um vídeo de 60 segundos, o secretário falou da campanha institucional de divulgação nacional do destino Espírito Santo. "Este era um grande desejo do povo capixaba, que queria ver o Estado sendo divulgado para o resto do País, e se tornou uma demanda importante para a Setur", concluiu.

Orla do Canal de Guarapari

A orla do Canal de Guarapari vai receber investimentos que irão resgatar a tradição histórica e turística da cidade, tornando-a ainda mais atraente para os moradores e turistas. Sempre relegado a segundo plano, o canal de Guarapari irá receber melhorias urbanas que vão se tornar atrações para quem vive e quem visita a cidade.

Durante a solenidade, foi feita a assinatura do convênio entre o Governo do Estado e a Caixa Econômica Federal para o repasse de R$ 35.190.000,00, oriundos do Ministério do Turismo. Para a obra haverá ainda uma contrapartida de R$ 3,6 milhões do Governo do ES.

O Projeto Náutico e de Urbanização da Orla do Canal de Guarapari contempla uma proposta de reestruturação geral da orla. Haverá urbanização de calçadas e do píer de atracação de escunas, reforma da Praça Trajano Lino Gonçalves, implantação do Mercado Municipal de Artesanato, urbanização da Rua Pedro Ramos e deck pesqueiro e reforma e ampliação do imóvel onde estão instalados a Associação Profissional de Pesca de Guarapari, o Idaf e o Incaper.

O convênio foi assinado com a Caixa Econômica Federal, que é a executora financeira do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur). Também foi assinado o contrato de cessão da área onde será realizada a obra, por parte da Secretaria de Patrimônio da União (SPU).

O repasse da União é o de maior volume de recursos na história do Governo do Estado com o MTur. Além disso, o Espírito Santo foi o que mais recebeu recursos entre os 16 estados que firmaram o Pacto para o Desenvolvimento do Turismo, no último dia 4, o que historicamente vinha acontecendo com os estados do Nordeste. Isso mostra a força de articulação do Governo do Estado e o reconhecimento do Ministério do Turismo de que o Espírito Santo tem potencial e está investindo no desenvolvimento do setor.

Centro de Eventos

O Centro de Eventos terá 40 mil metros quadrados de área construída numa área total de 100 mil metros quadrados, cedida pela Infraero. Será o maior espaço para a realização de feiras, shows, congressos e seminários da Capital, com capacidade para acomodar até 15 mil pessoas, e em eventos simultâneos. O projeto é fruto de uma parceria entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Turismo (Setur) e a Prefeitura de Vitória.

Fonte: Secretaria de Estado de Turismo.

0 comentários :