URUGUAI E ARGENTINA: 9º e 10º dias: Mar Del Plata - Paraná - Posadas, 19 e 20/08/06.

Este dia foi longo. Saímos às 7h45min de Mar Del Plata e chegamos a cidade de Paraná somente às 00h45min. O grupo não gostou deste tempo todo de viagem. Estava visível  a insatisfação da Haydeé.

Saímos de Mar Del Plata desta vez pela auto-estrada Mar Del Plata - Buenos Aires, que fez com que a capital do país ficasse mais perto. Às 14h30min paramos para almoçar em um restaurante A Lacarte na Ruta 9 , com isso demoramos 2 horas no almoço. Mas era um bom restaurante.

03 horas depois chegamos a Rosário, cidade da Província de Santa Fé. Cidade importante da Argentina a 300 km de Buenos Aires com aproximadamente 1.000.000 de habitantes as margens do rio paraná. Foi nesta cidade que nasceu o revolucionário Che Guevara. Também é desta cidade o famoso jogador  
Lionel Messi.

Foto de internet.

A cidade de Rosário é conhecida na Argentina com berço da Bandeira. Por isso fomos conhecer o Monumento Nacional à Bandeira. O monumento lembra o local e a história da criação da bandeira argentina, às margens do Rio Paraná. Durante as batalhas pela independência argentina, em 27 de fevereiro de 1812, o general Manuel Belgrano resolveu criar a bandeira azul e branca para identificar os argentinos e dar novo vigor aos soldados, que estavam desmotivados.

Foto de internet.

Dentro do monumento, de 75 metros de altura e inaugurado em 1957, há uma estátua em homenagem a Belgrano. O turista também pode ir de elevador até o alto do prédio, de onde há uma bela vista da cidade e do Rio Paraná. Atrás do monumento, foi erguido um propileu (prédio com pilares gregos) que abriga uma chama para homenagear e lembrar os argentinos mortos em batalhas.

Pena que já era de noite e assim não vimos a cidade muito bem além de não poder entrar no monumento. A cidade parece ser muito bonita e interessante.

Seguindo a viagem pela Ruta 11 logo depois fizemos uma parada técnica. Em seguida passamos pela cidade de Santa Fe, capital da Província do mesmo nome, que parecia ser bonita e valeria a pena conhecer de dia e não aquele horário da noite.

Saíndo da cidade passamos pelo túnel subfluvial do rio paraná (túnel subfluvial Raúl Uranga – Carlos Sylvestre Begnis) e chegamos a cidade de Paraná, capital da Província de Entre Rios. Nos hospedamos num  hotel cassino que deve ter sido bom um dia.

Foto de internet.

O túnel tem 2937 m comprimento, aos que se somam as rampas de acesso e caminhos de convergencia para dar um total de uns 4500 m.  Em sua cota mais profunda, o teto do túnel encontra-se a uns 32 metros baixo a superfície do rio. O fluxo de ar regula-se por um sistema de ventilacão forçada; a iluminación ajusta-se automaticamente às condições exteriores.

10º DIA.

Por ter chegado tarde no dia anterior, o grupo resolveu sair mais terde neste dia. Deixamos o hotel às 09 em direção a cidade de Posadas, capital da Província de Missones. Viajamos pelas RN 12, 127, 119, 123 e RP 40 e 41. Às 12h40min paramos para almoçar em um restaurante rústico na beira da estrada. Demoramos mais de 2 horas no almoço, era uma característica do grupo sair tarde e almoçar com calma (bastante calma) e com isso passávamos por lugares interessantes já de noite e chegávamos tarde às cidades.

Depois do almoço fizemos uma parada técnica e chegamos para hospedagem a cidade de Posadas às 23 horas. 

0 comentários :