FERIADO DE TIRADENTES NA TERRA DO INCONFIDENTE.

Minas
 

Sábado (17/04), 5 horas da manhã, sai de casa para mais uma viagem. Desta vez fui com o grupo do Espaço Cultural Consultime de Vila Velha. Gosto muito de viajar com esse grupo, já conheço a maioria das pessoas e temos um bom relacionamento. Nesta Viagem tive a oportunidade de rever uma senhora de 97 anos, que se tornou uma amiga. O destino desta vez foi Belo Horizonte com Tiradentes e São João Del-Rei. Um roteiro que eu não fazia desde 2006 e no primeiro dia fomos a Belo Horizonte.
 
 
Minas

 

No dia seguinte, domingo, a programação era manhã livre para aproveitar a feira de arte e artesanato da Avenida Afonso Pena. Nunca ouviram falar desta feira? e da Feira Hippie, Já ouviram? Pois é, é a mesma feira. Foi criada em 1969 em Belo Horizonte a feira hippie da praça da liberdade, mas em 1991 a feira já não cabia na praça e foi então transferida para a Av. Afonso Pena com o novo nome, a era dos hippies já tinha passado, deram outro  nome para a feira, mas a feira continua sendo chamada de Feira Hippie.
 

Como a programação da manhã era livre e eu não me acostumo com o tumulto da feira, fui conhecer o Mercado Central de Belo Horizonte que fica no centro de BH e pode ir caminhando. Veja http://www.mercadocentral.com.br/. Em pleno domingo de calor o Mercado Público estava cheio e o que predominava era o belo-horizontino, o sotaque deixava o som ficar mais interessante.
 
 
Minas
 
 
Vale a pena uma visita, você encontra nele desde  flores, carne, artesanato, frutas e verduras até ótimos botecos. Aliás tem que ser muito forte para não cair em tentação pois o cheiro do tira gosto que vem dos botecos é irresistível e como se não bastasse isso, funcionários de alguns botecos quase que jogam cerveja gelaaaaaada na sua mão. Isso é golpe baixo. Pois é, dá para ir ao mercado comprar cebolinha verde e aproveitar para beber umas.
 
 
Dentro do mercado um box chamou a minha atenção pela quantidade de pessoas. Fui ver o que era vendido e logo percebi que não era cebolinha verde. O movimentado era do Bar da Lora, participante do concurso "Comida di Buteco" acontece desde  9 de Abril e vai até 9 de maio. O concurso para eleger o melhor tira-gosto é mais uma desculpa (como se precisasse) para o mineiro ir em um dos vários e bons botecos da cidade.
 
 
Minas
 
 

Na hora de ir embora, me confundi e sai do lado contrário ao que entrei e bem em frente ao Minas Centro (Centro de Convenções), do para a minha surpresa estava acontecendo o Salão Mineiro do Turismo. Então aproveitei e entrei par ver o que um Estado com mais de 850 municípios pode oferecer turisticamente. Foi muito fácil entrar, logo na entrada recebi o adesivo de visitante ( sem precisar pagar) e pude conhecer um pouco mais  dos roteiro, rotas, destinos e produtos turísticos das Minas Gerais. De Diamantina veio a Chica da Silva.

 

De volta ao hotel tive a notícia que uma passageira tinha sido furtada na Feira Hippie. Mesmo seguindo  as orientações de segurança que eu havia passado , ela teve a sua bolsa cortada e levaram os documentos, cartões e dinheiro. Só Percebeu mais tarde quando foi efetuar um pagamento em uma das barracas da feira. Ela precisou ir em 06 delegacias para poder fazer um boletim de ocorrência, mesmo sendo a feira hippie do tamanho que é e tendo vários furtos, não tem uma delegacia de plantão.                         


 
Minas
 
 
Às 14 horas saímos em direção a cidade de Tiradentes, antes, porém, paramos na cidade de Lagoa Dourada conhecida como a terra do rocambole. Esta fama começou com o casal Miguel Youssef  do Líbano, Estrangeiro, e Sua Esposa D. Dolores, lagoense, no bar central em Lagoa Dourada. Com objetivos de melhorar o atendimento e atrair o interesse dos consumidores pelos produtos, o casal experimentou receitas vindas da França. Daí, o Início do Sucesso, destacando-se o rocambole. Hoje tem na cidade várias lanchonetes que vendem o doce. Se estiver na região, procure a lanchonete com a placa "O legítimo Rocambole". Mas se você não gosta de doce, em frente a lanchonete existe um lugar que vende maravilhosas empada ao preço de R $ 1,25. A de lombo com palmito é fantástica.
 
 
 
Tiradentes
 
 
 
Às 18 horas chegamos em Tiradentes e fomos para a pousada Coração Inconfidente no centro histórico. A cidade apresenta um dos centros centros históricos mais conservados do Estado. Pouco mais de 01 Hora depois já estava saindo com o grupo  para a Matriz de Santo Antônio onde aconteceu as 20 horas o espetáculo de som e luz. A apresentação interna narra a formação, arquitetura, talhas, artistas e todo o encanto da matriz. Tem a duração de 15 minutos e o ingresso é adquirido na hora (R $ 10,00). O grupo adorou. Em seguida descemos até a praça principal para jantarmos . A cidade estava tranquila, os visitantes do fim de semana foram embora depois do almoço e os do feriado chegaram na terça feira no início da noite.
 
 
 
Tiradentes

Na manhã seguinte saímos às 09 horas Para um passeio pela cidade. Muitos do grupo estavam voltando pela 4 ª vez, então preferiram andar sem rumo pela cidade, os passageiros de 1 ª viagem acompanharam o Edmilson, guia local, no tour onde conheceram a história da cidade visitando o Museu Padre Toledo, Matriz de Santo Antônio, câmara e o chafariz de São José. Depois do almoço no restaurante Divino Sabor (R$ 26,90 o quilo), fomos até os municípios de Prados e Resende Costa. O primeiro se destaca pelo artesanato de madeira e o segundo se destaca pelos trabalhos como, tapetes, colchas, cortinas, etc ..,. Chegamos de volta a Tiradentes por volta das 19 horas.
 
 
 
Tiradentes
Chafariz São José construído em 1749 pela Câmara com uma tríplice função: abastecer com água potável a vila pelas bicas frontais, lavagem de roupas pela lateral direita e bebedouro dos cavalos pela lateral esquerda.
 
 
 
Tiradentes
 
 
 
Na terça feira fomos pela manhã a cidade vizinha de São João Del-Rei. A programação era ir  de Maria Fumaça fazendo assim um passeio entre as duas cidades, mas era dia de manutenção. Fundada no início do Século XVIII, é dona de dos mais belos Patrimónios Culturais e Históricos do Estado. Acompanhados Pelo guia local Reginaldo , fizemos um tour pela cidade, visitando a Igreja de São Francisco de Assis.
 
 
São João Del Rei
 
 
São João Del Rei
 
 
 
São João Del Rei
A rua Santo Antônio no centro da cidade apresenta um conjunto de casas onde suas paredes são inclinadas  fazendo com que seja conhecida com rua das casas tortas.
 
 
 
No Largo do Rosário, está a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, o solar onde viveu o ex-presidente Tancredo Neves, natural de São João Del-Rei. Pertence à família Neves. Está no Largo também o Solar da família do dentista Paulo de Almeida Lustosa, criador da "Cera Dr. Lustosa", utilizada para dor de dentes. Conhecido no País e exterior desde 1922, o medicamento é preparado, hoje ainda, artesanalmente, no andar térreo do sobrado.
 

São João Del Rei
Solar dos Neves e Solar dos Lustosa.
 
Terminamos o passeio com o almoço no restaurante Chafariz (R$ 23,90 o quilo). Voltamos então para Tiradentes e aproveitarmos o fim da tarde e nossa última noite na terra do Inconfidente. Na quarta feira começamos a nossa viagem de volta às 07 horas e 30 minutos, 01 hora depois paramos em Barbacena para comprarmos queijo tipo reino e flores. Seguimos viagem parando para o almoço em Muriaé e parada técnica no trevo de Apiacá já no Espírito Santo. Chegamos em Vila Velha depois 12 horas.

Um comentário :

  1. Por que as paredes são inclinadas !?! Vou pesquisar.
    AAhhhh peguei essas fotos emprestadas um pouco tá bom, muito boas !!!
    Abraços !!

    ResponderExcluir